BLOG TÔ NA MÍDIA SURUBIM

DÁRK MODA FITNESS

sábado, 21 de abril de 2018

Do primeiro ao último passo: a despedida do goleiro Julio Cesar

Considerado um dos melhores goleiros da história do futebol brasileiro, o veterano encerra sua passagem neste sábado, diante do América-MG, com a camisa do clube do coração
Julio Cesar Fla - Especial
Com apenas 17 para 18 anos, um jovem goleiro aparecia para marcar história com a camisa do Flamengo. Em 1997, o então cria da base Julio Cesar seria titular logo em clássico contra o Fluminense e já começa a ter seu nome na boca da torcida rubro-negra. Em seu segundo jogo profissional, e logo em uma partida dessa magnitude, o garoto defendeu uma penalidade e ali começava uma história de um dos maiores goleiros de todos os tempos do futebol brasileiro. E neste sábado, diante do América-MG, em um Maracanã lotado, ele vai se despedir do gramados. Do clube do seu coração. Julio escolheu o Fla e o Fla escolheu Julio.

A história de amor do garoto com o Flamengo começou quando ele tinha apenas 12 anos. E quem o levou para os treinos na Gávea foi nada mais nada menos do que um outro ídolo dessa Nação e que atualmente defende as cores do clube do coração também: o zagueiro Juan. A dupla se conheceu ainda no Grajaú Country Club, um tradicional time de futsal da Zona Norte do Rio de Janeiro. Juan, que já defendia a base do Fla viu as brilhantes atuações do promissor arqueiro e o indicou aos olheiros da Gávea. Ali começou a história de Julio com o time do coração, agora como jogador.

Afinal, o veterano não esconde de ninguém que era torcedor de arquibancada do Rubro-Negro, assim como o amigo Juan. Estar no Flamengo era um sonho que começava a realizar para Julio em seus primeiros passos. E ele soube que sua chance chegaria. Que se tornaria ídolo no clube do coração e que voltaria para encerrar esta história.

Por isso, o Lance! traz um resumo da carreira do goleiro que foi eleito neste ano o nono melhor goleiro do século XXI pela revista FourFourTwo.

- Tudo tem sido tão bonito como foi nesses 20 anos de carreira: é mais do que um sonho. Nunca, nem mesmo quando criança, imaginava uma carreira como essa que tive - celebrou o goleiro nesta reta final de preparação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário