BLOG TÔ NA MÍDIA SURUBIM

Natal

segunda-feira, 1 de outubro de 2018

MPPE abre inscrições para concurso com salários de até R$ 4.809

São oferecidas 23 vagas de caráter imediato, além de cadastro reserva em 12 áreas de atuação.
A sede do Ministério Público de Pernambuco fica localizada na Avenida Visconde de Suassuna, em Santo Amaro, Centro do Recife — Foto: Marlon Costa Lisboa/Pernambuco Press
Estão abertas, a partir desta segunda-feira (1º), as inscrições para o concurso do Ministério Público de Pernambuco. O certame conta com 23 vagas de caráter imediato, além de cadastro reserva para 12 áreas de atuação. As oportunidades são para nível médio e superior, com salários que variam de R$ 3.171,52 a R$ 4.809,54.

As inscrições devem ser feitas no site da Fundação Carlos Chagas, responsável pela seleção, até às 14h do dia 26 de outubro. As vagas de nível médio são para o cargo de Técnico Ministerial - Administrativa. Já as vagas de nível superior são para Analista Ministerial com oportunidades para 11 diferentes formações. Veja a lista completa de vagas no final da reportagem.

A taxa de inscrição é de R$ 110 para os cargos que exigem ensino superior e de R$ 75 para os de nível médio. Apenas candidatos cadastrados no programa CadÚnido, do governo federal, podem pedir isenção da taxa, preenchendo o requerimento online, até a sexta-feira (5).

O concurso prevê provas objetivas e de títulos. Estão reservadas aos candidatos negros no mínimo 20% das vagas. Para deficientes, há cota de, no mínimo, 5% das oportunidades de trabalho.

As provas objetivas e a redação estão marcadas para o dia 2 de dezembro, no Recife. No turno da manhã, acontecem os exames para os candidatos aos cargos de nível médio. À tarde, os de nível superior. Os conteúdos são de conhecimentos gerais e específicos de cada área.

Os candidatos selecionados deverão cumprir carga horária de 30 horas semanais. A seleção tem validade de dois anos e pode ser prorrogada por igual período. O edital completo do concurso pode ser conferido no site da organizadora.
DO G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário